sábado, 13 de setembro de 2008

HIDROTERAPIA

As técnicas da terapia pela água podem agir diretamente sobre todo o corpo ou pode atuar sobre determinada área, para provocar esvaziamento ou congestão.Dá-se um exemplo de aplicação direta da água quando imergimos nosso corpo em um banho. Neste caso, a água leva todo o corpo a sentir-se tonificado ou relaxado. Um exemplo de aplicação indireta da água é o emprego de um escalda-pés bem quente ou o uso de duas meias molhadas com água fria, para descongestionar a cabeça ou o peito durante um resfriado.
Um outro exemplo de aplicação direta é o uso de uma ducha sobre os ombros ou uma bolsa de gelo colocada entre as coxas, para reduzir a congestão pélvica.A terapia pela água parece simples e muitas vezes é simples de ser praticada, mas a maior parte de sua ação é invisível. A água pode funcionar de modo simples e direto ou complexo e indireto, e sua capacidade terapêutica toda especial pode ser empregada em estado liquido, gasoso ou sólido.
Tratamento do corpo com água à temperaturas variadas. Desde os antigos banhos romanos e turcos, a água tem sido associada a propriedades terapêuticas e inclusive milagrosas.
A própria palavra hidro é usada para designar locais de cura. O recurso terapêutico da água é inegável, já que toda forma de vida depende da sua presença.
  1. Fricção e lavagens - estimulam a circulação, a respiração e o metabolismo, além de fortificarem o organismo;
  2. Compressas, ligaduras e cataplasmas - acalmam o sistema nervoso, baixam a febre e estimulam a irrigação cutânea;
  3. Banhos de vapor - descongestionantes e emagrecedores;
  4. Banhos de imersão - frios estimulam os sistemas nervoso e circulatório e quentes servem para relaxar, acalmar e combater insônias;
  5. Banhos localizados - empregados em problemas específicos nos braços, olhos, rosto e pés;
  6. Banhos de assento - aumenta a irrigação nas regiões abdominais e da bacia.

A água é o nutriente mais importante para o organismo, é o solvente básico para os produtos da digestão e é essencial para eliminar substâncias desprezadas pelo organismo. Além disso, estabiliza a temperatura corporal e leva os nutrientes para as células. Portanto, a boa hidratação ajuda a manter a saúde e a ficar em forma.
Nutricionistas alertam que beber pouca água ou perder muito líquido através do suor é prejudicial ao organismo. Uma maneira simples de saber se a pessoa está bem hidratada é examinando a cor e a quantidade da sua urina.
Se a urina estiver muito escura e escassa, ela está concentrada com elementos de excreção e é necessário beber mais líquidos. Mas a urina pode ser escura, se a pessoa está usando suplementos vitamínicos. Neste caso, o volume é um indicador melhor do que a cor.
Quando sua urina é amarela palida, é porque seu corpo recuperou o equilíbrio de água. Para as pessoas que praticam exercícios regularmente, outra forma de avaliar a urina e a perda de suor é se pesar antes e depois da atividade física. Para cada quilo que se perde, é necessário beber pelo menos quatro xícaras de líquido.
Nos dias quentes, os atletas podem suar facilmente dois a quatro quilos. Nesses casos a perda de peso é de água, não de gorduras. eles devem beber o suficiente antes, durante e depois do exercício. Além de verificar a cor da urina e a perda de peso, é preciso prestar atenção em outros sinais de desidratação, como cansaço crônico, dores de cabeça e letargia.
Isto pode ocorrer em longos períodos quentes no verão. A desidratação é cumulativa.
Oito copos de água são suficientes para uma pessoa sedentária, mas é pouco para atletas. O ideal é beber um litro para cada mil calorias gastas. Quanto mais calorias se consome, mais líquidos a pessoa deve beber.
Quando o corpo sua, a grande perda de água no sangue, que se torna mais concentrado e fica com o nível de sódio alto. Isto aumenta a vontade de beber e para eliminar a sensação de sede é preciso devolver ao sangue sua concentração normal. As pessoas que praticam atividade física devem beber bastante líquido para acabar com a sede e mais um pouco.
Nas crianças, o mecanismo de sede é mal desenvolvido. No fim de um dia quente, elas freqüentemente estão irritadas e isto pode ser um sinal de desidratação. Também os idosos tendem a ser menos sensíveis à sede do que os adultos mais jovens. Nutricionistas lembram que a água, de preferência mineral, não é o único líquido para repor as necessidades orgânicas. Qualquer bebida sem álcool é saudável.
Até mesmo alimentos como laranja, alface, melancia, tomate e pepino contêm 85% a 95% de água em seu peso e podem fornecer uma boa quantidade de líquidos. Alguns especialistas fazem restrições à água clorada porque ela destroe a vitamina E. Se você estiver bebendo água com cloro, não está absorvendo a vitamina E que está consumindo. A pessoa que bebe água clorada deve consumir iogurte que é uma boa maneira de substituir a bactéria intestinal que o cloro destroe. As mães em fase de aleitamento devem beber mais água. A água mantém viva todas as funções orgânicas. Ela é ótima nas dietas, pois bebida antes das refeições diminui o apetite. E previne a constipação intestinal.

5 comentários:

小喬 disse...

wow nice blog!!

Anônimo disse...

A agua e importante para nos porque no futuro ela sera importantissima em nossas vidas, quando ela estiver faltando e quem gasta muita agua no futuro nao tera essa mordomia com a agua

raquel disse...

ACHEI MUITO INTERESSANTE, É UMA DAS INÍMERAS QUALIDADES DA ÁGUA!

TODAS AS PESSOAS TEM QUE SE CONSCIENTIZAR MSM!

Veleida disse...

LEGAL!

Veleida disse...

legal!